Register  Login  Active Topics  Maps  

Portuguese Thread

  Tags: Portuguese
 Language Learning Forum : Multilingual Lounge Post Reply
521 messages over 66 pages: << Previous 1 2 3 4 5 6 7 ... 44 ... 65 66 Next >>
outcast
Bilingual Heptaglot
Senior Member
China
Joined 4768 days ago

869 posts - 1364 votes 
Speaks: Spanish*, English*, German, Italian, French, Portuguese, Mandarin
Studies: Korean

 
 Message 345 of 521
10 May 2011 at 2:44am | IP Logged 
Obrigado Abdalan. Espero em três meses que eu poder falar muito mais rápido e com maior vocabulário. Eu ainda ponho muito esforço no alemão, mas já acho que tenho atingido um bom nivel nesse idioma, e agora posso me concentrar também no português. Acredito que foi muito bom para mim escolher essas duas línguas, elas são diferentes então não as posso misturar.
1 person has voted this message useful



Rhay
Tetraglot
Newbie
Brazil
Joined 4910 days ago

35 posts - 35 votes
Speaks: Portuguese*, German, English, Spanish
Studies: Italian

 
 Message 346 of 521
10 May 2011 at 9:51pm | IP Logged 
Hoje comprei aqui na Alemanha um dicionário de Português da Editora Porto de 2011 com a
Nova Reforma Ortográfica. Por quê algumas palavras têm o acento agudo no Português de
Portugal e no Português Brasileiro o circunflexo? Exemplos:

fenómeno
sinónimo

e no Brasil:

fenômeno
sinônimo.

Sempre tenho visto essa diferenca ao ler, mas pensei que nao existiria mais após o
Acordo Ortográfico. Existe uma regra certa ou em cada país há uma regra diferente de
acentuacao?
1 person has voted this message useful



outcast
Bilingual Heptaglot
Senior Member
China
Joined 4768 days ago

869 posts - 1364 votes 
Speaks: Spanish*, English*, German, Italian, French, Portuguese, Mandarin
Studies: Korean

 
 Message 347 of 521
12 May 2011 at 7:53pm | IP Logged 
Essas reformas ortográficas são uma dor de cabeça para mim. Agora todos os livros sobre português que eu possuo têm a velha ortografia.

Mas também isto aconteceu com os meus livros de alemão!! Eles fizeram uma reforma no ano 2006. Eu aprendi palavras sob a velha ortografia e agora as devo novamente aprender, nas duas línguas.

O espanhol e bastante mais estável nisso. :)
1 person has voted this message useful



Abdalan
Triglot
Senior Member
Brazil
abdalan.wordpress.co
Joined 4865 days ago

120 posts - 194 votes 
Speaks: Portuguese*, French, English
Studies: German

 
 Message 348 of 521
12 May 2011 at 9:38pm | IP Logged 
outcast wrote:
Essas reformas ortográficas são uma dor de cabeça para mim. Agora
todos os livros sobre português que eu possuo têm a velha ortografia.

Mas também isto aconteceu com os meus livros de alemão!! Eles fizeram uma reforma no
ano 2006. Eu aprendi palavras sob a velha ortografia e agora as devo novamente
aprender, nas duas línguas.

O espanhol e bastante mais estável nisso. :)


A Reforma Ortográfica não tem mudanças tão radicais como parece. Veja que as mudanças
recaem sobre a acentuação:

[1] Some o acento dos ditongos (duas vogais na mesma sílaba) abertos éi e
ói das palavras paroxítonas (as que possuem a penúltima sílaba mais forte).
Exemplos:

idéia -> ideia; bóia -> boia; asteróide -> asteroide; Coréia -> Coreia platéia ->
plateia; assembléia -> assembleia; heróico -> heroico; estréia -> estreia; paranóia ->
paranoia; Européia -> Europeia; apóio -> apoio; jibóia -> jiboia; jóia -> joia.
(oxítonas como herói, papéis, troféu mantêm o acento)

[2] Desaparece o acento circunflexo das palavras terminadas em êem e ôo
(ou ôos). Exemplos:

crêem -> creem; lêem -> leem; dêem -> deem; vêem -> veem; prevêem -> preveem; enjôo -
> enjoo; vôos -> voos.

[3] Desaparece também acento no i e no u fortes depois de ditongos
(junção de duas vogais), em palavras paroxítonas. Exemplos:

baiúca -> baiuca; bocaiúva -> bocaiuva; feiúra -> feiura (Se o i e o u
estiverem na última sílaba, o acento continua - tuiuiú ou Piauí).

[4] Some o acento diferencial (bem comum na língua francesa, por exemplo):

pêlo -> pelo; pára -> para; pólo -> polo; pêra -> pera; côa -> coa [alguns permanecem
por motivi óbvio: pôr (verbo) versus por (preposição) e pôde
(pretérito) versus pode (presente)].

[5] Desaparece também o acento agudo no u forte nos grupos gue, gui, que,
qui
, de verbos como averiguar, apaziguar, arguir, redarguir, enxaguar:

averigúe -> averigue; apazigúe -> apazigue; ele argúi -> ele argui; enxagúe você ->
enxague você. Duvido que todos ainda usavam essas formas.

[6] O trema desaparece (graças à Deus).


1 person has voted this message useful



Matheus
Senior Member
Brazil
Joined 4900 days ago

208 posts - 312 votes 
Speaks: Portuguese*
Studies: English, French

 
 Message 349 of 521
13 May 2011 at 2:41am | IP Logged 
Pelo visto tem bastante Gaúchos aqui no Fórum.
1 person has voted this message useful



Rhay
Tetraglot
Newbie
Brazil
Joined 4910 days ago

35 posts - 35 votes
Speaks: Portuguese*, German, English, Spanish
Studies: Italian

 
 Message 350 of 521
13 May 2011 at 12:32pm | IP Logged 
Alguém saberia responder a minha pergunta acima?


Sobre a reforma: é o pior crime que cometeram com a Língua Portuguesa. Se fosse uma
reforma apenas válida para o Brasil, tudo bem, mas nao é. Tiraram os "c" de muitas
palavras.. "dire(c)to", a(c)to, exa(c)to e outras milhoes de palavras.

Seguindo esta lógica, por quê nao tiram o "c" de "pacto" também? Ficaria "pato".
"Respectivo" também perdeu o "c". Eu nunca na minha vida falei "respetivo". Todas as
outras línguas latinas e até o inglês mantêm o "c" nestas palavras.
1 person has voted this message useful



Crusador
Newbie
Brazil
Joined 4764 days ago

3 posts - 3 votes
Speaks: Portuguese*
Studies: English

 
 Message 351 of 521
13 May 2011 at 4:27pm | IP Logged 
Rhay wrote:
Seguindo esta lógica, por quê nao tiram o "c" de "pacto" também? Ficaria
"pato"."Respectivo" também perdeu o "c". Eu nunca na minha vida falei "respetivo". Todas
as outras línguas latinas e até o inglês mantêm o "c" nestas palavras.

Acho que é porque em palavras como "pacto" o "c" é pronunciado (como um k), assim
como em "respectivo". Mas em outras palavras como "acto" o "c" é mudo, você fala "ato".

Imagino que seja isso...

Edited by Crusador on 13 May 2011 at 4:29pm

1 person has voted this message useful



Rhay
Tetraglot
Newbie
Brazil
Joined 4910 days ago

35 posts - 35 votes
Speaks: Portuguese*, German, English, Spanish
Studies: Italian

 
 Message 352 of 521
13 May 2011 at 6:35pm | IP Logged 
Crusador wrote:
Rhay wrote:
Seguindo esta lógica, por quê nao tiram o "c" de "pacto"
também? Ficaria
"pato"."Respectivo" também perdeu o "c". Eu nunca na minha vida falei "respetivo". Todas
as outras línguas latinas e até o inglês mantêm o "c" nestas palavras.

Acho que é porque em palavras como "pacto" o "c" é pronunciado (como um k), assim
como em "respectivo". Mas em outras palavras como "acto" o "c" é mudo, você fala "ato".

Imagino que seja isso...

Sempre que há um "t" após o "c", é pronunciado como "k". E o "c" nao é e nem nunca foi
mudo. Quem nao pronuncia mais ele sao os brasileiros.


1 person has voted this message useful



This discussion contains 521 messages over 66 pages: << Prev 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66  Next >>


Post ReplyPost New Topic Printable version Printable version

You cannot post new topics in this forum - You cannot reply to topics in this forum - You cannot delete your posts in this forum
You cannot edit your posts in this forum - You cannot create polls in this forum - You cannot vote in polls in this forum


This page was generated in 0.4043 seconds.


DHTML Menu By Milonic JavaScript
Copyright 2024 FX Micheloud - All rights reserved
No part of this website may be copied by any means without my written authorization.